sábado, junho 25, 2011

Sabes o que seria bom para ti? Esqueceres quem te faz mal e quem te consome todas as forças nas noites em que te deitas por cima dos lençóis, acabado de chegar a casa, com um nível de embriaguez superior ao recomendado, a culpares-te por erros que não cometeste e dos quais foste apenas mais uma vítima. Era bom para ti.

Também poderás gostar

0 comentários

Mais lidos

Facebook

Seguidores

Subscribe