quarta-feira, agosto 03, 2011

Não és quem aparentas ser, nem nunca foste. Usas essa máscara arrogante e fria, talvez nem por escolha própria. Talvez as circunstâncias te tenham forçado a colocá-la. Com ela, sentes-te mais forte e superior. Não me admiro por te acharem uma má pessoa, quando usas essa força e suposta superioridade para enfraquecer e inferiorizar os demais. Isso faz-te sentir melhor? São as palavras cruéis e os gestos desumanos que te alimentam? Se assim o é, não devia. Não devia ser essa a razão que te move, porque um dia, essa máscara cairá por terra e sentirás a tua própria frieza correr-te pelo sangue. Irás sentir-te tão ou mais frágil do que todos aqueles que silenciaste de forma vil.

Também poderás gostar

0 comentários

Mais lidos

Facebook

Seguidores

Subscribe