8 de abril de 2012

Queria que a lua, as estrelas e a noite fossem testemunhas do meu amor por ti. Queria não ser fraca e conseguir pôr a minha felicidade acima do medo de me magoar. Não sabes o que custou não conseguir abraçar-te, mesmo quando mais ninguém poderia ver e fazer daquele momento a oportunidade que tanto anseio ter ao teu lado. Sou tão fraca que dói. Dói cada vez mais. Dói de cada vez que imagino o quão feliz te poderia fazer. O quão feliz poderia ser se nos tivéssemos abraçado naquele momento.

3 comentários: