quinta-feira, setembro 13, 2012

É a atitude de quem despreza um coração e, mais tarde, sente uma ponta de ciúmes por ser tratado da mesma forma. E sabes, não consigo suportar mais as incertezas de quem acha que por ter sofrido de amor, não pode voltar a amar e ser amado. Não consigo enumerar algo mais estúpido do que esse velho pensamento. Apetece-me chorar. Não por estares longe; mas por sentir que, depois de tudo o que fiz para conquistar a tua confiança, não passaste de uma tentativa falhada. E dói ver isso em ti; alguém que desistiu à primeira oportunidade, para não magoar e sair magoado. Alguém que não teve colhões para tentar abraçar a felicidade.

Também poderás gostar

1 comentários

  1. // olá, será que podes passar pelo meu blogue de fotografia e dar-me a tua opinião sobre as novas fotos? basta clicares em "gosto" ou "não gosto", etc. aproveita para votar na sondagem e se quiseres seguir-me (em qualquer um dos meus dois blogues, não precisam de ser os dois) força que eu sigo sempre de volta, obrigada (: aqui tens os links:
    (blogue de fotografia e diário do meu coração)

    ResponderEliminar

Mais lidos

Facebook

Seguidores

Subscribe