Entender

Cada vez mais tenho a certeza de que não pertenço a este mundo. Há sempre algo que não consigo entender, por mais que tente. Talvez ainda viva num mundo demasiado cor-de-rosa. Talvez ainda não tenha vivido nada que me tornasse forte, porque grande parte dos acontecimentos me deixa cair num poço demasiado fundo.
Não entendo porque razão as pessoas não se entendem; ou talvez a razão seja tão óbvia que eu não a entendo. Talvez seja o egoísmo cego das pessoas que não se tentam pôr no lugar dos outros e acabam por atirar para o ar balas certeiras que nos rasgam a pele.

Sem comentários:

Enviar um comentário