Gentileza é como pretinho básico...

... Não tem como errar!


"Nunca julgues um livro pela capa". Mas quem nunca? Quantas vezes entristeceste alguém porque tocaste na sua maior ferida sem saber? Quantas vezes irritaste uma pessoa mesmo que ela não o tenha demonstrado?

Faz falta ser gentil. Falar sem julgar. Brincar sem magoar.

Ninguém olha nos olhos de alguém e conhece verdadeiramente uma pessoa. Hoje em dia já ninguém olha nos olhos de alguém verdadeiramente, mas isso é outra conversa.
Nunca se sabe qual é a mala que o outro carrega. Por muito que se ache que conhecemos o próximo, não devemos tomar como certa essa observação.

Faz falta estender a mão a quem precisa.

Mas não dês a tua mão esperando algo em troca, achando que estás a praticar o bem. A isso não se chama gentileza, mas sim puro interesse.

Faz falta sorrir mais.

Sorrisos de bom dia. Sorrisos de boa noite. Sorrisos no comboio. Verás que a tua vida fica mais preenchida, assim como a vida das pessoas que são brindadas com um gesto tão simples e verdadeiro. Certeza de quem já passou uma vida inteira a sorrir só porque sim. Mesmo nos dias mais difíceis. 

E já pensaste no quão bonito é fazeres o dia de alguém melhor?

ESTE TEXTO FAZ PARTE DO DESAFIO CRIATIVO DO PROJECTO ESCRITA CRIATIVA


Patrícia Lobo
Romântica incurável, convicta de que é o amor que nos move. Portuguesa. Filha mais velha dos melhores pais do mundo. Mas, sobretudo, menina do papá. Amante de letras e números. Viciada em séries, música e beijos na testa.
Vinte e três anos, um metro e cinquenta e oito de altura. Sou muito mais do que aquilo que penso ser. Quero ser muito mais do que aquilo que sou.

Sem comentários:

Enviar um comentário